O Vaticano vai promover esta quinta-feira uma reunião sobre a “crise humana” que atinge 15 milhões de refugiados e deslocados sírios e iraquianos no Médio Oriente.

A sala de imprensa da Santa Sé anunciou hoje que o Conselho Pontifício ‘Cor Unum’, responsável pela promoção das atividades caritativas da Igreja, convidou os bispos e os organismos católicos de solidariedade da região.

A iniciativa visa “analisar a situação das comunidades cristãs residentes nos países atingidos pela guerra”, para promover “a sinergia” entre os vários organismos eclesiais.

A nota oficial da Santa Sé recorda a “gravidade” da crise síria e iraquiana – com mais de 250 mil mortos e 1 milhão de feridos -, perante a qual a Igreja Católica reagiu através da atividade diplomática e de “programas de ajuda e assistência humanitária”.

Agência Ecclesia – ler artigo completo aqui.

You have Successfully Subscribed!